My blueberry nights

Foram as melhores férias da minha vida.

E nem foram as minhas.

Eu já estava terminada, é verdade.

Mas perdurava a pergunta: e se fosse na vida real, fucionaria?

Funcionou.

Todos os dias.

Na hora do almoço, depois do trabalho, na hora de dormir.

Sair pra jantar, ver um filme, correr na Bandeirantes.

Ir à padaria.

Beber vinho no sábado a noite.

Fazer uma prova de lógica na internet.

Ter um sono incontrolável.

Dormir e acordar junto.

Se entupir de pipoca na última sessão de uma segunda à noite.

Rir de boba até doer a barriga.

Experimentar lugares inusitados.

Fazer aniversário.

Enfrentar e contar verdades duras.

Chorar no carro e continuar de bem.

Ter as coisas muito claras e muito certas.

 

Definitivamente não deu o que tinha que dar.

 

The stories haven’t all been told before, after all.

Facebook comments:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>