Exposição

Paguei língua e voltei meu namoro. A vida real não é tão perfeitinha quanto a gente planeja, nem mesmo quando o dia-a-dia se mostra completamente flawless.

Paguei língua.
Não passei nem uma semana sem ver meu ex (ou atual, ou sei lá). Na prática, o vi com a mesma freqüencia que se nunca tivesse terminado. Nas últimas semanas, batemos recordes.
Restam mil perguntas.
Quanto a gente tem que resistir para estar certo? Qual a hora de ceder pra ser feliz? Como saber se a nossa percepção de pontos finais está completamente distorcida?
Muitos posts virão.

Facebook comments:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>